quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Hoje faz um ano.



A dor não passa.



Não diminui.



Não dá trégua.



A solução foi achar o que fazer com o amor que ficou.







Esse é o nosso bebê. Hoje ele é um anjinho.

Quando não houver mais bichinhos abandonados em São Paulo, vamos poder parar e chorar toda a falta que sentimos dele.

O Time do Tigor

11 comentários:

Andrea Sassaki disse...

Taimi....a saudade sempre vai existir, viu! E com o tempo, vai ficando mais suave, mais sutil. Ainda bem que ele achou vocês! Foi feliz, foi amado, nunca esquecido! Força, amiga!

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Puxa, imagino como vcs se sentem, mas como disse a Andrea, ele foi amado e isso já é motivo de alegria para amenizar a saudade.
Bjs!

Ana, Aprendiz de Anjo disse...

Taimi, acredito que esses Anjos venham a terra para nos ensinar a amar e você aprendeu isso com maestria, e melhor aprendeu a dividir esse amor. O Tigor deve ser o anjo mais feliz do céu, porque conseguiu cumprir sua missão. Beijos, fique em paz.

Gisa disse...

A saudade realmente nunca vai embora, mas ameniza, como bem disse a Andrea. Todos nós, que tivemos serzinhos muito amados em nossas vidas, a sentimos; mas amar sempre vale a pena. Teu anjinho era e é muito lindo. Beijos

Toquinha do Artesanato disse...

Sei como se sente, dia 10 vai fazer um ano que minha amada Tekila virou anjinho também e a dor ainda é presente. Dói muito perder nossos preciosos, mas temos que aceitar, fazer o que?
Beijos
Simone

Marianne disse...

Assim eu choro. Estou chorando agora pelo Tigor e por todos meus bebês que já se foram. A dor não acaba nunca. Pelo menos as minhas nunca acabaram e eu sei que nunca acabarão. Mas o importante é saber que nossos bebês foram extremamente amados e bem cuidados. E temos que seguir em frente, pois muitos mais estão por aí precisando de ajuda, e não de lágrimas.

Theófila disse...

A dor da perda de um filho é algo que não se expressa com palavras...
A fotinho dele em fez chorar muito. Minha Leona virou estrelinha há pouco tempo e sempre que penso nela é como vivesse tudo aquilo outra vez.

Tenha força. Tenha fé.

Anônimo disse...

Ai more, chorei tanto.
posso não estar presente fisicamente, mas vcs estão no meu coração

EROS - Deus do Amor e da Família disse...

Obrigada por seres meu seguidor!
Ronrons do Eros

disse...

ai, ai... vi esse post e não soube o que escrever. é tão difícil perder um serzinho que a gente ama, né?

fica só a saudade...

Michelle disse...

Poxa Taimi...sei muito bem o qto é duro, difícil e muitas vezes inaceitável. Mas quem somos nós para dicutir os designos de Deus? Só ele quem sabe, e sabe o que é melhor pra todos. Sofri e sofro a perda do Leo, que ficou comigo apenas 8 meses...mas sei que ele está bem, que foi amado e mimado. Assim como seu Tigor querido..teve tudo de melhor e foi muito amado. É isso que importa.
Pense nisso...
Beijo grande querida.
Michelle